Informativo nº 23/2021 | 22/12/2021

Informativo nº 23/2021 | 22/12/2021
 
Visite o Portal da ABA | www.portal.abant.org.br 
Acompanhe a ABA em suas redes sociais:
Informativo nº 23/2021 | 22/12/2021
destaques da ABA
Mensagem de Boas Festas

Caros/as Associados/as,

Sabemos que esse foi (mais um) ano repleto de desafios, de diversas ordens. No fluxo deles, e apesar deles, a Associação Brasileira de Antropologia seguiu firme no propósito de contribuir para (re)fazer antropologias tal como criamos, aprendemos e praticamos há tantas décadas no Brasil. Isso só foi possível por causa do engajamento e dedicação de todas as pessoas que atuam em seus comitês, comissões e na sua secretaria. E, em especial, por conta do apoio, confiança, colaboração e intensa contribuição de seus/as associados/as, que participaram ativamente nas diversas atividades realizadas. A Diretoria da ABA anseia que, em 2022, continuemos juntos/as. E deseja a todos/as um excelente fim de ano, seguido por outro repleto de resistência e potência de vida.

Recesso de final de ano

Comunicamos que a Secretaria Administrativa da ABA estará em recesso entre os dias 24 de dezembro de 2021 e 02 de janeiro de 2022, retomando as atividades no primeiro dia útil do novo ano (03 de janeiro de 2022).

33ª RBA – Reunião Brasileira de Antropologia

Envio de propostas de GTs até o dia 15 de fevereiro de 2022.
Confira a Chamada de Trabalhos

Site 33ª RBAhttps://www.33rba.abant.org.br/

Contato:
E-mail: rba@sinteseeventos.com.br
WhatsApp para atendimento direto: (011) 999255503

Calendário 2022 – Pedidos de filiação/mudanças de categoria

Pedidos de filiação e mudanças de categoria serão analisados/as conforme calendário pré-estabelecido.

Fique atento aos prazos:

  • Primeira chamada 2022:
    05/01/2022 – Prazo para a Secretaria Administrativa receber toda a documentação de solicitações;
    28/01/2022 – Divulgação dos resultados, por e-mail, aos/as candidatos/as.
  • Segunda chamada 2022:
    07/03/2022 – Prazo para a Secretaria Administrativa receber toda a documentação de solicitações;
    25/03/2022 – Divulgação dos resultados, por e-mail, aos/as candidatos/as.
  • Terceira chamada 2022:
    04/09/2022 – Prazo para a Secretaria Administrativa receber toda a documentação de solicitações;
    07/10/2022 – Divulgação dos resultados, por e-mail, aos/as candidatos/as.
Professora da UFG e associada da ABA Luciana de Oliveira Dias participa da audiência sobre Lei de Cotas

A Comissão de Educação, Cultura e Esportes do Senado Federal realizou, na última sexta-feira, dia 10, uma audiência pública para discutir a revisão da Lei de Cotas ou Lei 12.711/2012, que prevê a reserva de vagas para negros, pardos, indígenas, pessoas com deficiência, alunos de baixa renda e de escolas públicas em instituições federais de ensino superior. A discussão teve como fio condutor o Projeto de Lei Nº 4656 de 2020, do senador Paulo Paim (PT/RS), que propõe uma revisão da Lei de Cotas a cada dez anos. A proposta é assegurar a continuidade e aplicação das cotas em instituições federais de educação superior e de ensino técnico de nível médio, além de ampliar a lei para instituições particulares de ensino. 

Claudia Lee Williams Fonseca é eleita membro da Academia Brasileira de Ciências

A professora do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da UFRGS Claudia Lee Williams Fonseca foi eleita membro titular da Academia Brasileira de Ciências (ABC), área Ciências Sociais. O resultado da eleição foi divulgado após a Assembleia Geral Ordinária da entidade, realizada na quinta-feira, 2 de dezembro. A docente tomará posse junto com os novos integrantes da associação em 1º de janeiro.

Claudia Fonseca tem experiência na área de Antropologia, com ênfase em Antropologia Urbana. É co-coordenadora do Núcleo de Antropologia e Cidadania do Programa de Pós-graduação em Antropologia Social da UFRGS. Suas pesquisas centram-se nos seguintes temas: grupos populares, familia, antropologia, adoção, gênero, antropologia do direito, antropologia das ciências.

Nota Técnica da Associação Brasileira de Antropologia sobre as ações afirmativas consignadas na Lei 12.711 de agosto de 2012 e atualizada pela Lei 13.409 de dezembro de 2016

A Associação Brasileira de Antropologia (ABA), junto com seu Comitê de Antropólogas/os Negras/os, Comitê Quilombos, Comitê de Antropologxs Indígenas, Comitê Gênero e Sexualidade, Comitê Migrações e Deslocamentos, Comissão de Assuntos Indígenas, Comissão de Direitos Humanos, Comitê Deficiência e Acessibilidade e Comissão de Educação, Ciência e Tecnologia, vêm por meio desta afirmar a importância da continuidade e do aperfeiçoamento das ações afirmativas no Brasil. Desde sua promulgação, a Lei 12.711/2012 se tornou um instrumento concreto de reparação dos danos ocasionados pela negligência estatal e pelo racismo estrutural, constituintes da experiência histórica e das relações sociais no Brasil até hoje. O fortalecimento das políticas de reservas de vagas e ações afins nas instituições de ensino superior também é fundamental para a democratização das próprias instituições e, sobretudo, para a inclusão social, a justiça e a democracia. É a partir dessa compreensão, da centralidade das ações afirmativas no debate sobre a promoção da equidade, que a avaliação dos resultados alcançados até agora deve ser considerada.

É urgente que o Governo Federal retire os garimpeiros e garimpeiras da Terra Indígena Yanomami e implante um consistente Plano Intersetorial Emergencial de Atenção à Saúde e de Controle Territorial

A Associação Brasileira de Antropologia (ABA) e a Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco) fazem coro, de maneira enfática, ao inadiável apelo dos povos indígenas quanto à gravidade da situação sanitária e a urgência de medidas para proteção da vida e saúde dos povos Yanomami e Ye’kwana. É evidente que os invasores estão entre os principais responsáveis por essa calamidade e devem ser devidamente retirados com urgência. Além disso, é fundamental articular um consistente Plano Intersetorial Emergencial de Atenção à Saúde e de Controle Territorial, com a participação interinstitucional, envolvendo organizações indígenas, órgãos do executivo e judiciário federal, estaduais e municipais, entidades indigenistas e instituições acadêmicas, o que se faz necessário em uma situação tão grave. Pedimos o apoio e a manifestação contundente da comunidade acadêmica e não acadêmica internacional. Pedimos o fim ao genocídio do povo Yanomami!

A Organização Mundial de Saúde Pública (WFPHA, sigla em inglês) aderiu à nota

Medalha do Mérito Museológico – Conselho Regional de Museologia

O Comitê de Patrimônios e Museus parabeniza a museóloga Claudia Marcia Ferreira pela outorga da Medalha do Mérito Museológico, conferida pelo Conselho Regional de Museologia – 2ª Região no último dia 18 de dezembro. A referida medalha é a mais alta honraria concedida a profissionais e personalidades atuantes no desenvolvimento da museologia no Brasil e sinaliza o reconhecimento da longa e competente trajetória de Claudia Ferreira na gestão do Centro Nacional de Folclore e Cultura Popular do Iphan.

Novos Debates

Lançamento v.7 n.1

Nessa edição, há artigos que compõem as já existentes seções Novas Pesquisas e Ensaios, bem como em novas seções, Pedagógicas e Ofício. A seção Resenhas conta com uma parceria com a Editora Unifesp. O Fórum desta edição é intitulado "Localizando a Antropologia Brasileira: contribuições para pensar corpo, lugar e a geopolítica da produção de conhecimento", mobilizando debates sobre formas de produção de conhecimento antropológico no Brasil contemporâneo. 

Recebemos submissões em fluxo contínuo

Aceitamos submissões em fluxo contínuo para todas as seções, além de propostas de Fórum. A fim de promover o debate, convidamos também nossos leitores a enviarem respostas aos fóruns já publicados, assim como a textos publicados em outras seções. Mais em nosso site: http://novosdebates.abant.org.br/.

Facebook: https://www.facebook.com/novosdebates/ 
Twitter: https://twitter.com/novosdebates
Instagram: https://www.instagram.com/novosdebates/?hl=pt-br

Vibrant

Está aberta, até 15 de Abril de 2022, a chamadas para os dossiês "Etnografia das Instituições de Governança" e "Antropologias das gestões: formas e fórmulas de governo em nossas latitudes". Informações: http://www.vibrant.org.br.

 

 

 

 

eventos
Eventos no Brasil
II Congresso Internacional de Ciências Sociais e Humanas “A Amazônia brasileira: problemas e desafios”

Data: 28 de março e 1º de abril de 2022
Informações: https://cebusal.es/congresos/congreso-ciencias-sociales/

4º Ciclo de Antropologia e Etnografia em contextos urbanos

Data: 18 e 19 de Abril de 2022
Informações: Chamada em PortuguêsChamada em Espanhol

VII Reunião Equatorial de Antropologia – REA

Data: 25 a 29 de abril de 2022
Informações: https://www.even3.com.br/7rea/

Eventos no Exterior
IUAES Saint-Petersburg 2022 Congress

Data: 25 a 31 de maio de 2022
Informações: https://iuaes2022.spb.ru/

European Association of Social Anthropologists Conference (EASA) Belfast 2022

Data: 26 a 29 de julho de 2022
Informações: https://www.qub.ac.uk/events/whats-on/listing/europeanassociationofsocialanthropologistsconferenceeasabelfast2022.html

VII Congresso da APA

Data: 06 a 09 de setembro de 2022
Informações: http://apa2022.apantropologia.org/

oportunidades
Concursos e seleções
Selection for the position of Associate Professor / Assistant with a specialization in Archeology with a geographic focus on Asia, for the Chinese University of Hong Kong

The Department of Anthropology is seeking an outstanding candidate for Associate/ Assistant Professorship (tenure-track) specializing in Archaeology with geographical focus in Asia. Closing Date: December 31, 2021. Information: https://www.hro.cuhk.edu.hk/en-gb/career/career-opportunities.

Vestibular da UFSC/2022 para o Curso Licenciatura Intercultural Indígena do Sul da Mata Atlântica: Guarani, Kaingang e Xokleng-Laklãnõ

A Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC, através da Comissão Permanente do Vestibular – COPERVE, declara abertas as inscrições para o Concurso Vestibular para o Curso Licenciatura Intercultural Indígena do Sul da Mata Atlântica: Guarani, Kaingang e Xokleng-Laklãnõ (denominado Vestibular UFSC/2022/Licenciatura Intercultural Indígena), aos indígenas das etnias Guarani, Kaingang e Xokleng-Laklãnõ que concluíram ou estão em vias de concluir o Ensino Médio até a data de matrícula. Período de inscrições: 04 a 20 de janeiro de 2022. Informações: Edital.

Pós-graduação
Mestrado e Doutorado na UFRGS

A Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social (PPGAS), da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, torna pública a abertura de inscrições e estabelece normas relativas à Seleção para os cursos de Mestrado e Doutorado em Antropologia Social, referente ao ano letivo de 2022. Inscrições: 03 a 21 de janeiro de 2022. Informações: Edital Mestrado / Edital Doutorado.

Mestrado e Doutorado na UFSCar

O Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social (PPGAS) da UFSCar divulga os editais para o exame de seleção de estudantes para ingresso no 1º semestre de 2022 nos cursos de mestrado e doutorado. Inscrições: 04 de janeiro de 2022. Informações: http://ppgas.ufscar.br/.

Pós-doc no Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (Cebrap)

O Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (Cebrap) informamos a abertura da seleção de 2022 do Programa Internacional de Pós-Doutorado (IPP), do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (CEBRAP), em São Paulo. Inscrições: até 07 de março de 2022. Informações: https://cebrap.org.br/ipp/.

publicações
Chamada para artigos
Revista Plural

Plural,  Antropologías desde América Latina y el Caribe, la revista de la Asociación Latinoamericana de Antropología, publica convocatória para o dossiê: "Pandemia y desigualdad: reflexiones sobre consecuencias y acciones en la sociedad latinoamericana y del Caribe a causa de la Covid-19". Prazo para submissões: 15 de janeiro de 2022. Informações: Convocatória.

Ilha Revista de Antropologia

ILHA – Revista de Antropologia, publicação semestral do Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social da Universidade Federal de Santa Catarina, divulga chamada para o dossiê: "Antropologias a partir dos medicamentos: co-produções, políticas e agenciamentos contemporâneos". Prazo para submissões: 31 de janeiro de 2022. Informações: https://periodicos.ufsc.br/index.php/ilha/announcement/view/1737.

Chamada para proposição de dossiês ao Anuário Antropológico para 2023

O Anuário Antropológico, Revista do Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social da Universidade de Brasília, receberá, até 30 de março de 2022, propostas para publicação de dossiês temáticos para dois de seus volumes de 2023. Informações: Chamada.

Chamada para artigos sobre avaliação do ensino de pós-graduação

A Articulação das Ciências Sociais (A4), composta pela Associação Nacional de Pós-graduação  e Pesquisa em Ciências Sociais (ANPOCS), Associação Brasileira de Antropologia (ABA), Associação Brasileira de Ciência Política (ABCP) e Sociedade Brasileira de Sociologia (SBS), preocupada com a grave crise da pós-graduação brasileira, vêm a público convidar  a comunidade acadêmica a participar da construção coletiva de reflexão, diagnósticos e conhecimentos sobre os desafios do presente e caminhos futuros. Prazo para submissões: 03 de janeiro a 08 de abril de 2022. Informações: Chamada.

Revistas – Novos números

Revista Iluminuras – Publicação Eletrônica do Banco de Imagens e Efeitos Visuais – BIEV/LAS/PPGAS/IFCH/UFRGS – v. 22, n. 58 (2021) – Cidades em metamorfose: memórias, percursos urbanos e imagens – https://seer.ufrgs.br/iluminuras/issue/view/4481.

Mundaú – Revista eletrônica semestral editada pelo Programa de Pós-Graduação em Antropologia do Instituto de Ciências Sociais da Universidade Federal de Alagoas – n. especial (2021): Encontro de Saberes: Transversalidades e Experiências – v. 2 – https://www.seer.ufal.br/index.php/revistamundau.

Livros – Lançamentos 2021

SIMMEL, Georg (Autor); ROJO, Raúl Enrique (Tradutor). SOCIOLOGIA: Estudos sobre as formas de sociação. Porto Alegre, RS: Editora Fundação Fênix (2021)

MIRANDA, Ana Paula Mendes de; OLIVEIRA, Ilzver de Matos (Orgs.). Pesquisa empírica aplicada ao Direito: perspectivas teóricas e metodológicas sobre o reconhecimento de direitos. Rio de Janeiro: Editora Telha (2021).

HANAZAKI, Natalia; MACHADO, Juliana Salles; ZEA, Evelyn Schuler; KAINGANG, Joziléia Daniza; DARELLA, Maria Dorothea Post (Orgs.). Kuri’y zág fág [recurso eletrônico] : volume 1 : ensino e natureza. Florianópolis : Edições do Bosque UFSC/CFH/NUPPE (2021)

ZEA, Evelyn Schuler; MACHADO, Juliana Salles; HANAZAKI, Natalia; KAINGANG, Joziléia Daniza; DARELLA, Maria Dorothea Post (Orgs.). Kuri’y zág fág [recurso eletrônico] : volume 2 : culturas e memórias. Florianópolis : Edições  do Bosque UFSC/CFH/NUPPE (2021)

OLIVEIRA, Silvia Maria de; KAINGANG, Joziléia Daniza; MACHADO, Juliana Salles; ZEA, Evelyn Schuler; DARELLA, Maria Dorothea Post; HANAZAKI, Natalia (Orgs.). Projetos interdisciplinares para o ensino médio indígena. Florianópolis: Edições do Bosque UFSC/CFH/NUPPE (2021)

ANNEL, Mejías Guiza; GARCÍA, Carmen Teresa (eds.). Antropologías hechas en Venezuela – Tomo II. Uruguay/Venezuela: Asociación Latinoamericana de Antropología, Red de Antropologías del Sur (2021)

GUBER, Rosana; FERRERO, Lía (eds.). Antropologías hechas en la Argentina Volumen III. Montevideo, Uruguay: Asociación Latinoamericana de Antropología (2020)

BARBOSA, Lívia; PORTILHO, Fátima; GALINDO, Flavia; BORGES, Silvia (Orgs.). Encontros e Caminhos dos Estudos do Consumo no Brasil. Rio de Janeiro: Editora E-papers (2021)

CAVALCANTI, Maria Laura; GONÇALVES, Renata de Sá (Org.). A falta que a festa faz: celebrações populares e antropologia na pandemia. Rio de Janeiro: Museu Nacional, Universidade Federal do Rio de Janeiro (2021)

Podcasts

Antropotretas
[Série ligas camponesas, #03] – Desamparo

Sensibilidades Antropológicas
#09 – Sobre terras, pássaros e mundos diversos

Selvagerias
#08 – A implementação de cotas no PPGAS da USP

Urbanidades
#62 – Federalismo no Brasil

NOVOS PROJETOS
Retratos Defiças

#00 – Trailler
#01 – Amor gay no espectro

Sobre.Vivências
#01 – A gente não vive, a gente sobrevive

notícias da mídia/outras
Chamada do governo americano para apoiar organizações da América do Sul no tema de Justiça Racial

O genocídio em curso das populações originárias do Brasil pelo mercúrio e pelo desmatamento

À Associação Tato’A, às Associações Xikrin, Porekrô- Kakarekré – Baypran, ao Supremo Tribunal Federal, ao Ministério Público, ao Conselho Indigenista Missionário, à Fundação Oswaldo Cruz, à Fundação Nacional do índio, ao Survival International, à Articulação dos Povos Indígenas do Brasil.

Indígenas denunciam novos casos de roubo de madeira e grilagem de terra na TI Karipuna, em Rondônia

Na última semana, o povo Karipuna voltou a denunciar ao MPF e à PF novos episódios de invasão de madeireiros e pecuaristas no seu território

Em carta, indígenas pedem ao presidente do STF que retome julgamento do marco temporal

Documento foi protocolado na tarde desta quarta-feira (15), no STF, em Brasília; lideranças solicitam agilidade para barrar retrocessos que atingem os povos e seus direitos constitucionais

Lideranças indígenas pedem ao MPF providências para barrar arrendamento em seus territórios

Documento entregue ao MPF, em Brasília, pede que Termos de Ajustamento de Conduta sobre arrendamento em terras indígenas não sejam assinados nem renovados

Anais da 6ª REA – Reunião Equatorial de Antropologia

Atenção: As ideias, opiniões e informações expostas no informativo e nas redes sociais da ABA são de responsabilidade dos seus autores e autoras, não refletindo, necessariamente a opinião ou posição da ABA.

Associação Brasileira de Antropologia
Defender Direitos, Fazer Antropologia (2021-2022)

Presidente: Patricia Birman (UERJ)
Vice-Presidente: Cornelia Eckert (UFRGS)
Secretária Geral: Carla Costa Teixeira (UnB)
Secretária Adjunta: Carly Barboza Machado (UFRRJ)
Tesoureira: Andrea de Souza Lobo (UnB)
Tesoureiro Adjunto: Camilo Albuquerque de Braz (UFG)
Diretores/as:
Fabio Mura (UFPB)
João Frederico Rickli (UFPR)
Luciana de Oliveira Dias (UFG)
Patrícia Maria Portela Nunes (UEMA)

Informativo ABA
Edição: Carine Lemos e Roberto Pinheiro
Diagramação: Roberto Pinheiro

Universidade de Brasília
Campus Universitário Darcy Ribeiro – Asa Norte
Prédio do ICS – Instituto de Ciências Sociais – Térreo – Sala AT-41/29
Brasília/DF Cep: 70910-900
Tel/Fax: (61) 3307-3754

Para correspondência:
Caixa Postal 04491
70.842-970
Brasília/DF