Informativos

Informativo nº 22/2020 | 01/09/2020

 
Visite o Portal da ABA | www.portal.abant.org.br
Acompanhe a ABA em suas redes sociais  
Informativo nº 22/2020 | 01/09/2020
destaques da ABA
32ª Reunião Brasileira de Antropologia – RBA

Regras: https://www.32rba.abant.org.br/conteudo/view?ID_CONTEUDO=412.
Cronograma: https://www.32rba.abant.org.br/cronograma

Nota da ABA em repúdio às violações de direitos cometidas por autoridades e em defesa da vida e dos direitos das meninas

A Associação Brasileira de Antropologia, por meio do seu Comitê de Gênero e Sexualidade, manifesta repúdio às nefastas posturas defendidas recentemente por autoridades religiosas e políticas brasileiras diante do estarrecedor caso da menina de dez anos grávida em decorrência de estupro cometido por seu tio, que a violentava impunemente há quatro anos. Ademais, a ABA declara seu apoio à vida e aos direitos das meninas, em especial, das meninas negras, que são as principais vítimas desse tipo de sobreposição de violências e da maternidade compulsória.

Nota ABA/ABRASCO de apoio à decisão do povo Terena de receber ajuda humanitária dos Médicos Sem Fronteiras

Manifestamos nosso repúdio à recusa da Secretaria Especial de Saúde Indígena (SESAI) em conceder permissão para a organização Médicos Sem Fronteiras (MSF) apoiar as ações do Distrito Sanitário Especial Indígena do Mato Grosso do Sul nas comunidades Terena.

A pandemia da COVID-19 é uma crise sanitária e humanitária global, mas é uma doença que afeta desigualmente os grupos sociais, sendo que, particularmente, os povos indígenas são extremamente vulneráveis. A resposta à COVID-19 entre povos indígenas no Brasil enfrenta inúmeros desafios, desde a estruturação das ações no âmbito do Subsistema de Atenção à Saúde Indígena (SASI-SUS), até a garantia de acesso das populações residentes em áreas urbanas e fora das terras indígenas às redes municipais e estaduais do SUS. Desde abril, observa-se progressiva e acelerada interiorização da pandemia, atingindo grande contingente de população indígena dentro e fora das Terras Indígenas, em zonas urbanas e rurais, resultando em elevado impacto na saúde e em expressivo número de mortes de indígenas.  Atualmente a pandemia alcança a marca de 700 óbitos, atingindo 155 povos indígenas, com mais de 26 mil casos confirmados.

ALERTA DA ABA
CURSO LATO SENSU EM ANTROPOLOGIA PROPOSTO PELA FUNAI

A Associação Brasileira de Antropologia (ABA), junto com suas Comissões de Assuntos Indígenas, de Educação, Ciência e Tecnologia e seus Comitês de Laudos, de Quilombos, de Povos Tradicionais, Meio Ambiente e Grandes Projetos, e de Inserção Profissional, manifesta profunda preocupação frente à informação divulgada pela imprensa sobre proposta de curso de pós-graduação em Antropologia, lato sensu, a ser oferecido no âmbito do Ministério da Justiça e Segurança Pública/Funai.

Webinar: Experimentações de antropologia (áudio)visual na rede

Comitê de Antropologia Visual (CAV) da Associação Brasileira de Antropologia (ABA)

Data: 03 de setembro de 2020, às 16h
Transmissão pelo canal do TV ABA no YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=aCn_FvJXyFw&feature

Moderador:
Lisabete Coradini (UFRN)

Participantes:
Ana Luiza Carvalho da Rocha e Cornelia Eckert (UFRGS)
Claudia Turra (UFPEL)
Denise Machado (UFPA)

Ex-presidente da ABA e integrante da Comissão de Relações Internacionais, Miriam Pillar Grossi (UFSC), foi nomeada para compor o Conselho Deliberativo do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)

A ex-Presidente da ABA e integrante da Comissão de Relações Internacionais,  Miriam Pillar Grossi (UFSC), foi nomeada para compor o Conselho Deliberativo do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). A designação ocorreu por meio da ortaria nº 3.208, publicada na terça-feira, 25 de agosto. Com mandato de dois anos, Miriam foi escolhida a partir da lista tríplice elaborada pela Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), mediante consulta à comunidade científica da área de Ciências Humanas e Sociais. O Conselho Deliberativo é a maior instância de poder decisório do CNP. No passado, o ex-Presidente da ABA Ruben Oliven (UFRGS) também ocupou esse cargo.

Lançamento do livro

O lançamento do livro "Etnografias de um congresso: A organização do 18º Congresso Mundial de Antropologia no Brasil", organizado por Miriam Grossi e Tânia Welter, ocorreu no dia 26 de agosto e contou com a presença da atual e da ex-presidente da ABA, respectivamente Bibia Gregori e Lia Machado, assim como do atual e do ex-presidente da IUAES, respectivamente Junji Koizumi e Faye Harrison. O video do lançamento com os comentários dos participantes pode ser visto na TV ABA e, em breve, com legendas em inglês, no canal do WCAA: https://www.waunet.org/wcaa/videos/index.phtml . O livro está disponível on line no Portal da ABA.

Vibrant

A new issue of Vibrant – Virtual Brazilian Anthropology is now available: Vibrant – Volume 17 contains the dossier “Anthropology in times of intolerance: challenges facing neoconservatism”. Available at http://www.vibrant.org.br/lastest-issue-v-17-2020/.

Novos Debates

Volume (v4, n1-2). As contribuições incluem pesquisas em gênero e sexualidades, relações raciais, cultura popular, museus, infância, saúde e relações multiespécies. As autoras e autores deste número produzem desde diversas localidades do país e do exterior, o que reitera a vocação plural e cosmopolita da publicação. Boa leitura!

http://novosdebates.abant.org.br/

eventos
Eventos no Brasil
XIII Reunião Científica da Regional Sul da ANPEd

Data: 01 de setembro de 2020 a 24 de março de 2021
informações: http://www.furb.br/web/5469/anped-sul/apresentacao

Mesa-redonda Ciência e novos negacionismos

Data: 02 de setembro de 2020, às 19h
Informações: https://laboratoriosocial.com.br/lab/index.php/agende-se/140-cursos/mesa-redonda/314-lancamento-ls-ciencia-e-novos-negacionismos

72ª Reunião Anual da SBPC

Datas: Conferências, Painéis e Mesas-Redondas: 01 a 04 de setembro, 05 a 09 de outubro, 03 a 06 de novembro e 31 de novembro a 4 de dezembro
Local: Virtual – Transmissão pelo canal da SBPC no Youtube: https://www.youtube.com/user/canalsbpc
Informações: http://ra.sbpcnet.org.br/72RA/ / Programação

XI Seminário de Arqueologia do CAHL/UFRB

Data: 03 a 09 de setembro de 2020
Informações: https://semaix.wixsite.com/xisema

Os povos indígenas no Brasil: Conferência na 72ª Reunião Anual da SBPC

Data: 04 de setembro de 2020, às 18h
Informações: https://confap.org.br/news/72a-reuniao-anual-da-sbpc-sera-virtual/

II Encontro de Mulheres da ANPG: “A realidade das mulheres pesquisadoras e a perseguição aos estudos de gênero”

Data: 04 e 05 de setembro de 2020
Informações: http://www.anpg.org.br/24/08/2020/ii-encontro-de-mulheres-da-anpg-debate-aumento-das-desigualdades-de-genero-na-pos/

Seminário do DEVIR: Religião, Democracia e Morte no Brasil

Data: 09 a 11 de setembro de 2020
Inscrições podem ser realizadas pelo e-mail: devirppgaufpe@gmail.com
Informações: https://www.facebook.com/devirppgaufpe / Instagram @devirppgaufpe

Grupos de Discussões – Congresso Nacional da ABECS/2020

Data: 13 a 15 de novembro de 2020
Inormações: https://abecs.com.br/gds-aprovados-congresso-nacional-da-abecs-2020/

Exposições
Ciclo Virtual de Ensaios Fotográficos do IRIS/DAN 2020

Herança e fé no sertão mineiro
por Breno Trindade da Silva
https://spark.adobe.com/page/N0iYaUksI7rS3/

publicações
Revistas – Chamada para artigos
Revista GIS

A GIS – Gesto, Imagem, Som: Revista de Antropologia é uma revista acadêmica que engloba os campos da antropologia visual, da música e do som, da performance, do teatro e da arte publica chamada para artigo para o Vol. 6, n. 1. Prazo para submissão foi prorrogado até 04 de outubro de 2020. Informações: http://www.revistas.usp.br/gis.

Revistas – Novos números

Revista Ambivalências – Publicação semestral de divulgação científica mantida pelo Grupo de Pesquisa “Processos Identitários e Poder” (GEPPIP) – v. 8 n. 15 (2020): Dossiê Arte e Gênero – https://seer.ufs.br/index.php/Ambivalencias/issue/view/1026.

Revista Mediações – Revista de Ciências Sociais, uma publicação semestral do Departamento e do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais da UEL –  Dossiê: Racionalidade Neoliberal e Processos de Subjetivação Contemporâneos (Mediações, vol. 25, n. 2 – 2020/2)http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/mediacoes/issue/view/1686.

GIS – Gesto, Imagem, Som – Revista de Antropologia é uma revista acadêmica que engloba os campos da antropologia visual, da música e do som, da performance, do teatro e da arte – v. 5, n. 1 | Agosto, 2020 – http://www.revistas.usp.br/gis/issue/view/11518.

AntHropológicas Visual é a edição audiovisual da Revista AntHropológicas, editada independentemente e em versão apenas online –  Volume 6, Coleção 1 (n.1) – 2020 –  https://periodicos.ufpe.br/revistas/revistaanthropologicasvisual.

Exilium – Revista de Estudos da Contemporaneidade, vinculada à Cátedra Edward Saïd da Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa da Unifesp, dedica-se a reflexões sobre a contemporaneidade, em sua constituição histórica, geopolítica e cultural, em tudo que ela comporta de thauma e admiração como de traumas e sofrimentos –  n. 1 (2020): Exilium Revista de Estudos da Contemporaneidade – http://200.144.93.176/3121/index.php/saide.

Livros – Lançamentos 2020

GRÜNEWALD, Rodrigo de Azevedo (2020). Jurema. Campinas – SP. Editora Mercado de Letras.

WAGNER, Alfredo; ACEVEDO, Rosa; ALEIXO, Eriki (Orgs)(2020). Pandemia e Território. Editora UFMG.
http://www.aba.abant.org.br/files/20200901_5f4e9a9024e0f.pdf

SCHIERHOLT, Anelise Fabiana Paiva; ROMERO, Fanny Longa (2020). Biojoias, biodiversidade e redes de sustentabilidade na Amazônia : o caso da Cooperativa Açaí, de Rondônia. Editora da UFRGS.
https://lume.ufrgs.br/handle/10183/213231

notícias da mídia/outras
Notícias sobre o Coronavírus
Nota da SBPC contra o Projeto de Lei 529 – ALESP

Considerações da Diretoria da SBPC sobre a aprovação do PLP 135 2020

Lançamento de curta: O som ao lado (Infraestruturas do Afeto. curta n.3)

Direção:  Ferdinando Armenta, Jeíza C. Saraiva e Polly Cavalcanti   

Desde metade do século passado, a comunidade do Arruado do Engenho Velho foi sitiada pelo campus da Universidade Federal de Pernambuco em Recife. Não por essa razão a comunidade ganhou os mesmos serviços básicos que a universidade. Como parte desta saga, com a construção de um laboratório de tecnologia em petróleo e outros combustíveis, a comunidade lida com o som perene dos esfriadores de escala industrial daquele prédio. O vídeo tenta construir um ponto de vista sobre a coexistência entre o som (e o prédio) e a comunidade.
https://www.youtube.com/watch?v=mO950eMPn84&feature=youtu.be

Este filme faz parte da série Infraestruturas do Afeto, série de curta-metragem dirigidas por estudantes do Programa de Pós-Graduação da Universidade Federal de Pernambuco. A série é coordenada por Alex Vailati e produzida pelo Laboratório de Antropologia Visual.
https://www.youtube.com/playlist?list=PLuRyvGgyZPVxdVLtfOmKmGEGEkQljVwxK

A resistência ao garimpo que o governo tenta ocultar

Não é apenas na pressão sobre o Estado brasileiro que se dá a resistência Munduruku contra a devastação de suas terras pela extração ilícita de ouro. Desde que conseguiram vencer a investida dos megaprojetos de barramento do Tapajós, em 2016, esta tem sido a principal frente de luta das diversas associações do povo Munduruku

Site da pesquisa Desigualdades, violência e violações de direitos na Amazônia Brasileira

O site reúne dados da pesquisa "Desigualdades, Violência e violações de direitos na Amazônia Brasileira", conduzidas pelas Profas. Jane Beltrão (UFPA), Paula Lacerda (UERJ), Manuela Cordeiro (UFRR) e Katiane Silva (UFPA). A pesquisa foi apoiada pela CAPES através do edital Memórias Brasileiras – Conflitos Sociais.
Acesse: https://amazoniaconflitos.com.br/

Curso Mulheres Rumo ao Poder

O curso de Formação remota, aberta e gratuita é voltada para mulheres candidatas nas próximas eleições e visa fortalecer o protagonismo político das mulheres na ocupação de espaços de poder foi organizado por Felipe Fernandes através de  parceria entre ANPOCS, ABCP, FIOCRUZ Minas Gerais, NEPEM (Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre a Mulher)/UFMG e GIRA (Grupo de Estudos Feministas em Política e Educação)/UFBA.

IUAES fica na Índia mas fora da Kiss

Diante da crescente polêmica nacional e internacional sobre o envolvimento do KISS em praticas contrarias ao esperado de uma instituição de ensino, o congresso mundial da IUAES na Índia não terá mais o Kalinga Institute of Social Sciences (KISS) como parceiro. A nota da IUAES diz que “Em deferência aos muitos antropólogos da Índia e de todo o mundo que expressaram suas opiniões sobre o assunto, e após seguir um cuidadoso processo consultivo em vários níveis, o Comitê Executivo da IUAES deliberou e decidiu retirar sua colaboração com o KISS no que diz respeito à organização de o 2023 Congresso Mundial de Antropologia”. O congresso está mantido para a Índia em 2023, com as outras parcerias: Indian Anthropological Association, Utkal University e a Sambalpur University.

Lançamento da Articulação Brasileira de Indígenas Antropóloges – ABIA

No dia 28/08 ocorreu o lançamento da Articulação Brasileira de Indígenas Antropóloges – ABIA, que reúne indígenas com formação em antropologia engajados com as lutas dos povos indígenas. A articulação se constitui com a finalidade de congregar a expertise acadêmica e científica dos indígenas antropólogos e antropólogas com os Movimentos Indígenas e os diferentes projetos de autodeterminação de territórios. A ABIA tem por objetivos consolidar a presença indígena na antropologia através da divulgação científica do conhecimento oriundo de sua produção acadêmica, potencializando saberes, culturas e protagonismo; bem como a valorização e defesa de uma antropologia desde as diversas ciências indígenas.
Link: https://youtu.be/6yPP04ofXXM

Exposição Patrimônios Invisibilizados: Para Além dos Casarões, Quindins e Charqueadas

A exposição Patrimônios Invisibilizados: Para Além dos Casarões, Quindins e Charqueadas foi concebida pelo projeto de pesquisa Margens: Grupos em Processos de Exclusão e suas Formas de Habitar Pelotas/RS , no âmbito do Grupo de Estudos Etnográficos Urbanos (GEEUR) da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), em parceria com o Museu Histórico da Bibliotheca Pública de Pelotense. O objetivo dessa exposição é trazer diferentes concepções e narrativas sobre os patrimônios da cidade, mostrando a diversidade de grupos ali presentes, suas relações de pertencimentos e construções citadinas.
Para ir Além dos patrimônios oficiais, mesmo que (re)visitados e (re)construídos, trazemos os “não-oficiais” e suas dinâmicas no fluxo urbano em diferentes linguagens artísticas, textuais e imagéticas para todas as idades. Essa exposição traz o movimento e sacralização do território das comunidades de religiões de matrizes africanas, como também a expressão da comunidade LGBTQIA+ na e pela cidade, como ainda as lutas, resistências e narrativas da comunidade do Passo dos Negros. Este ano, por conta do isolamento social, a exposição foi remodelada, adaptada e expandida para um plataforma online que foi lançada no dia 18 de agosto, durante as comemorações do “Dia do Patrimônio” em Pelotas. Vem conhecer Pelotas além de Quindins, Charqueadas e Casarões com estas comunidades!

Link de acesso: http://museuhistoricobpp.com.br/index.php/2020/08/18/exposicao-patrimonios-invisibilizados/

Diagnóstico das Ciências Humanas, Sociais Aplicadas, Linguística, Letras e Artes (CHSSALLA) no Brasil

Atenção: As ideias, opiniões e informações expostas no informativo e nas redes sociais da ABA são de responsabilidade dos seus autores e autoras, não refletindo, necessariamente a opinião ou posição da ABA.

Associação Brasileira de Antropologia
Antropologia Brasileira: saberes e diálogos na defesa de direitos e diferenças (2019-2020)


Presidente: Maria Filomena Gregori (UNICAMP)
Vice-Presidente: Sérgio Luís Carrara (UERJ)
Secretária Geral: Thereza Cristina Cardoso Menezes (UFRRJ)
Secretário Adjunto: Luiz Eduardo de Lacerda Abreu (UnB)
Tesoureiro: João Miguel Manzolillo Sautchuk (UnB)
Tesoureira Adjunta: Izabela Tamaso (UFG)
Diretoras:
Angela Mercedes Facundo Navia (UFRN)
Manuela Souza Siqueira Cordeiro (UFRR)
Patrice Schuch (UFRGS)
Patricia Silva Osorio (UFMT)

Informativo ABA
Edição: Carine Lemos e Roberto Pinheiro
Diagramação: Roberto Pinheiro

Universidade de Brasília
Campus Universitário Darcy Ribeiro – Asa Norte
Prédio do ICS – Instituto de Ciências Sociais – Térreo – Sala AT-41/29
Brasília/DF Cep: 70910-900
Tel/Fax: (61) 3307-3754


Para correspondência:
Caixa Postal 04491
70.842-970
Brasília/DF

Informativos dos anos anteriores

Informativos 2018
Informativos 2017
Informativos 2016
Informativos 2015
Informativos 2014
Informativos 2013
Informativos 2012
Informativos 2011
Informativos 2010
Informativos 2009 
Informativos 2008
Informativos 2007
Informativos 2006

Informativos

Endereço postal:

Caixa postal 04491
Brasília/DF
CEP: 70842-970

Endereço físico:

UNB - Campus Universitário Darcy Ribeiro - Asa norte
Prédio do ICS - instituto de Ciências Sociais
Térreo - Sala AT-41/29 - Brasília/DF
CEP: 70910-900

Contato:

Fale conosco
E-mail: aba@abant.org.br
Telefone: +55 (61) 3307 3754del>
  Celular: +55 (61) 98594-9104

Horário de funcionamento: De segunda a sexta-feira, de 09h às 17hs

© Copyright 2019 Associação Brasileira de Antropologia - Todos os direitos reservados. Por GB Criação de sites e Temas Wordpress

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support